Nossa leitora Rachel Cardoso, conta suas impressões sobre o filme.

Meryl Streep e Tom Hanks contracenando num filme dirigido por Spilberg. Só por isso já valeria a ida ao cinema.

The Post vale mais ainda, especialmente para uma jornalista que ama ficção. O clima de redação, com aquela expectativa da notícia em primeira mão, contagia e alimenta a história.

Os trejeitos de Tom como chefe de redação são perfeitos, por sinal. E a angústia de Meryl que coordena o negócio da família – numa sucessão só possível por um acaso – faz palpitar mesmo os mais tranquilos. No decorrer da trama, a personagem, que transforma o jornal da família num gigante da imprensa americana, mescla momentos de extrema coragem com medos genuínos.

A trama é bem amarrada, talvez um pouco longa no meio do arco dramática e com um final meio repentino. Fora isso, é de prender até os espectadores mais afoitos, além de ser um belo lembrete e apoio a tão importante liberdade de imprensa.

Nota: 9

Com direção de Steven Spielberg  e roteiro de Liz Hannah e Josh Singer , o filme é estrelado por Meryl StreepTom HanksSarah Paulson (a Abby de Carol) e Bob Odenkirk (o Saul Goodman de Breaking Bad).

Indicado ao Oscar de Melhor Filme e Melhor Atriz. Obteve também 6 indicações para o Globo de Ouro, o que mesmo não tendo resultado em premiação, comprova a qualidade da obra.

Anúncios

Participe da conversa! 1 comentário

  1. […] “The Post – A Guerra Secreta“ […]

    Curtir

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

CATEGORIA

Cinema, Criticas